E eu só queria não ter esse coração farsante e mente tão altruísta.

Eu só queria odiar menos as minhas palavras.

Eu só queria não querer entender.

Mas eu quero.

E me desmancho. Corrosivamente.

Quando concordo, me mato no espelho com o oriente na boca.